20 de julho de 2016

Noções Fundamentais da Vida Espiritual


A. Saudreau
Cônego honorário de Angers
Primeiro Capelão da Casa Madre do Bom Pastor
Edição de 1937 - 267 págs


ÍNDICE
Prefácio
Introdução
Capítulo I. — A piedade: sua natureza, suas vantagens
Capítulo II. — A piedade sempre possível à alma de boa vontade
Primeira Parte
O combate espiritual: obstáculos a vencer
Capítulo III. — As paixões: o orgulho
1. Natureza do orgulho: suas diversas formas
2. Males causados pelo orgulho
3. Luta contra o orgulho
Capítulo IV. — A sensualidade
Capítulo V. — O apego aos bens terrenos
Capítulo VI. — As tentações
1. Natureza e causa das tentações
2. Utilidade das tentações
3. Como se deve lutar contra as tentações
Capítulo VII. — As ilusões
Capítulo VIII. — Securas, impotências, tristezas e desgostos
1. Natureza destas provações; suas causas; alguns exemplos
2. Normas a seguir nas securas
Capítulo IX. — O abuso das graças e suas consequências
Segunda parte
Prática da piedade: as virtudes
Capítulo X. — Virtudes teologais: a fé
Capítulo XI. — Virtudes teologais: a esperança
Capítulo XII. — Virtudes teologais: a caridade para com Deus
Exercício da caridade
Capítulo XIII. — O recolhimento, fruto da caridade  para com Deus
1. Vantagens do recolhimento
2. Modo de praticar o recolhimento
Capítulo XIV. — Caridade fraterna
1. Importância da virtude de caridade
2. Prática da caridade; a caridade nos pensamentos
3. Prática da caridade ;caridade nas palavras
4. Prática da caridade; caridade nas ações
CAPÍTULO XV. — Virtudes cardiais: a prudência
1. Importância da prudência
2. Natureza da prudência
3. Exercício da prudência
CAPÍTULO XVI. — Virtudes cardiais: a justiça
CAPÍTULO XVII. — A obediência; filha da justiça
1. Fundamento e necessidade da obediência
2. Prática da obediência
3. Exemplos de obediência
CAPÍTULO XVIII. — Virtudes cardiais: a fortaleza
CAPÍTULO XIX. — A paciência, filha da fortaleza
1. Natureza, frutos da paciência
2. Exercício da paciência
CAPÍTULO XX. — Virtudes cardiais: a temperança
Seu primeiro fruto : a mortificação
1. Importância da mortificação
2. Prática da mortificação
CAPÍTULO XXI. — A humildade filha da justiça e da temperança
1. Natureza da humildade
2. Vantagens da humildade
3. Exercício da humildade
4. Ladainha da humildade
Terceira parte
Meios de progredir na piedade
CAPÍTULO XXII. — A oração
1. Importância da oração
2. Qualidades da oração
3. Preparação para a oração
4. Distrações
CAPÍTULO XXIII. — Oração vocal
CAPÍTULO XXIV. — Oração mental, meditação
1. Natureza e importância da meditação
2. As partes da meditação
3. Assumptos, lugar, duração
4. Os graus de meditação
5. Via sacra
CAPÍTULO XXV. — A confissão
1. Os frutos da confissão
2. Preparação para a confissão
CAPÍTULO XXVI. — Direção espiritual
1. Necessidade da direção
2. Missão do diretor espiritual
3. Obrigações do dirigido
CAPÍTULO XXVII. — A Communhão
1. A Eucaristia, alimento da alma
2. Como tornar frutuosa a Comunhão
CAPÍTULO XXVIII. — Assistência à Missa e Visita ao Santíssimo Sacramento
Visita ao Santíssimo Sacramento
CAPÍTULO XXIX. — Leitura espiritual:
1. Importância da leitura espiritual
2. O que é preciso ler e como é preciso ler
CAPÍTULO XXX. — Santificação das ações ordinárias
CAPÍTULO XXXI. — Exame de consciência
1. Necessidade deste exercício
2. Modo de fazer o exame de consciência
CAPÍTULO XXXII. — Exame particular e provações:
1. Importância e objeto do exame particular
2. Provações sobre as virtudes
CAPÍTULO XXXIII. — Retiros anuais e mensais
1. Retiro anual
2. Retiro mensal
CAPÍTULO XXXIV. — A devoção ao Sagrado Coração:
1. Histórico desta devoção
2. Natureza da devoção ao Sagrado Coração de Jesus
3. Vantagens da devoção ao Sagrado Coração de Jesus
Capítulo XXXV. — Devoção à Santíssima Virgem:
1. Fundamento desta devoção
2. Prática desta devoção
CAPÍTULO XXXVI. — Devoção aos anjos e aos santos:          
1. Devoção aos santos anjos
2. Devoção aos santos
3. Devoção a São José
CAPÍTULO XXXVII. — Os dons do Espírito Santo e a vida unitiva
Epílogo



__________
O presente arquivo foi reformatado do original encontrado no site Obras Católicas

Qualquer quantia tem grande valor

http://alexandriacatolica.blogspot.com.br/2015/12/qualquer-quantia-tem-grande-valor.html

O SANTO DE AUSCHWITZ

Assim dizia São Maximiliano Kolbe:

"De muito boa vontade oferecemos leituras gratuitas a todos aqueles que não possam oferecer nada para esta obra, mesmo privando-se um pouco."

O que é ser um Benfeitor do Blog?

O que é ser um Benfeitor do Blog?
Clique na Imagem

Agradeço aos amigos virtuais pelo selo

Agradeço aos amigos virtuais pelo selo

EM PROL do Clube de leitura masculino

EM PROL do Clube de leitura masculino
Clique na imagem acima! Não deixe de participar desta campanha!

CLUBE DE LEITURA feminino

CLUBE DE LEITURA feminino
Clique na imagem e aproveite a oportunidade de fazer parte do clube!