03 fevereiro, 2011

Cadernos Redentoristas - 17

Tradução - Adaptação
Pe. Afonso Paschotte, CSSR.
102 págs



   "Dentre os beatos que no ano 2001 a Igreja recebeu, cinco são redentoristas. Todos do rito oriental. Quatro ucranianos e um tcheco. Dois bispos: Basílio, “bispo da Igreja do Silêncio”, nomeado em 1959 e consagrado em 1963, em Moscou e Nicolau, consagrado na Igreja de Santo Afonso, em Roma, no ano de 1926. Três, sacerdotes: Zenão, possivelmente crucificado na parede da prisão; Ivan, cruelmente açoitado na Sexta-feira santa de 1952, vindo a falecer dias depois na prisão; Metódio, checo, vice-provincial dos redentoristas, morreu em 1959 no cárcere depois de terrível experiência na “cela de correção”. Suas vidas seguem o mesmo trilho da resistência na fé, colhendo com isto amargas conseqüências. Prisão. Torturas. Interrogatórios. Campos de concentração. Morte."

Tcheco




O SANTO DE AUSCHWITZ

Assim dizia São Maximiliano Kolbe:

"De muito boa vontade oferecemos leituras gratuitas a todos aqueles que não possam oferecer nada para esta obra, mesmo privando-se um pouco."

VOCAÇÃO ➡ Quer ser MONJA REDENTORISTA? Clique no Banner para mais informações

Tipos Psicológicos

Qualquer quantia tem grande valor!

http://alexandriacatolica.blogspot.com.br/2015/12/qualquer-quantia-tem-grande-valor.html