23 de fevereiro de 2020

Mamãe Margarida, a educadora de um Santo


SUMÁRIO
EDUCADORA DE UM SANTO
Capriglio, um punhado de casas
Toque desabalado de sinos
Cristo prisioneiro
Fome e vexame
"Ja, ja! Bo! Bo! Boja"
Paz depois da tempestade
A colina luminosa
O chamado
Duas mulheres
Dois santos
Ceifado pela morte
Sofrendo o peso da carestia
De joelhos, meus filhos!
Depois da carestia
O olhar de Deus
Deus no universo
Sua mãe sabe mais do que você
Cabeça quebrada
Por outro lado, era muito rigorosa
O pão bento
Aquele que poupa a vara não ama seu filho
Sou mais forte do que você
Estava com sede?
Perdoai as nossas ofensas
Um boizinho bravo
Vida dura, de militar
Mãe sem entranhas?
Gente corajosa!
Reunião de família
"Mamãe, quero ser saltimbanco!"
Mata mais a gula
Coração de mãe não se engana
O futuro do filho
"Hospedaria Cháritas"
Perspicácia de mãe
Gasta tudo com a velhinha
O grande dia
O primeiro benfeitor de Joãozinho
A mesma intuição
O sacrifício de Isaac
Arte teatral
Desfaz-se o nó
Que é que se pode fazer?
Duas mães
Lá também existe uma Providência, não é?
A grande mestra
"Não está satisfeita?"
Durante o tempo de seminário
Pão e vinho
Uma grande provação
Dia de luz, dia de paraíso!
Luta contra o dinheiro
Anos duros
Não se aguenta mais de pé
O mal é sério
"Dom Bosco está louco!”
O viático para Dom Bosco
Nos Becchi, a ressurreição!
MÃE DOS MENINOS POBRES
Um dilema imperioso
Você vai ter um anjo a seu lado
Estou pronta
Descendo as colinas
A Providência não falta
Ai do mundo se souber!
O enxoval de esposa para o Esposo!
Horta Mamãe Margarida
A árvore da vida
Os haveres de um padre: patrimônio dos pobres
Oh! Animais nojentos!
Quartos vizinhos um do outro
Sempre muito viva e franca
Apagar um vulcão?
Isto também é demais!
Lençóis e cobertores desaparecem
Passarinho ensopado de chuva
A primeira "boa-noite"
Os filhos se multiplicam e o coração se alarga
Em alto mar
Com as senhoras da aristocracia
O primeiro atentado
Um livrão a mais
Batalhas de rua
Feijão
Rancho
Mas e o pão?
Braços enlaçados
Uma graça especial
Como Dom Bosco
Pedagogia admirável
Nada de dualismos
Suas advertências
Com os preguiçosos
Com os gulosos
A oficina ou o "Rondó"?
Agridoce
Os resultados
Cuidado, João!
Com os que tinham sido castigados
Intervenção em dois e em três atos
Dom Bosco não é tudo
Na ausência de Dom Bosco
O grande fermento
"Mamãe, com quem está brigando?"
Tempos calamitosos
Guerra dentro de casa
Uma pura alegria
Um grande luto
A casa de "Propaganda Fide"
O Seminário da Arquidiocese
Três senadores na "sala do trono"
Será o fim?
16 de novembro
Simpatia "margaridiana"
Quarto e sala de espera
Em alto nível
Hospitaleira e reconhecida
Nos palácios da bela Turim
A luta pela pobreza
A mantilha de seda
Suas refeições
Honestíssima nas mínimas coisas
No seu lugar
Estou quase, quase voltando!
Uma preciosa aquisição
O pão também
Só faltava isto: um piano!
A longa espera
Não diga a ninguém
Pode-se pregar mentira?
Pão seco?
Enfermeira
Um terremoto infernal
A primeira igreja construída por Dom Bosco
O retrato de Mamãe Margarida
José, o filho mais velho
Um capitão no castelo
A jardineira
Crítica literária
Uma bela tradição
Um valioso testemunho
Calvário do filho e da mãe
Margarida e o "Grigio"
Mamãe Margarida na oficina de encadernação
O cólera também
Mamãe Teresa e Mamãe Margarida
Mãe de bispos
O presente maior e último
Os baixinhos
Doces recordações
Margarida no dizer de Ponderano
Uma das últimas dores
O primeiro morto
Volve os olhos para o mundo
A grande colmeia
Um episódio simpático
Uma brincadeira de mau gosto do demônio
Última festa do Rosário
Última mudança
A asa da morte
O médico
À cabeceira da mãe
Os últimos sacramentos
Últimas lembranças para o filho
Conhecia todos e tudo
Últimas palavras dirigidas a José
A unção dos enfermos
A última noite
Amou-o até o fim
Coisas estranhas
O último favor
A hora de Deus
E os meninos?
A herança
O elogio do Papa
A Serva de Deus Margarida Occhiena

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O SANTO DE AUSCHWITZ

Assim dizia São Maximiliano Kolbe:

"De muito boa vontade oferecemos leituras gratuitas a todos aqueles que não possam oferecer nada para esta obra, mesmo privando-se um pouco."

Qualquer quantia tem grande valor

http://alexandriacatolica.blogspot.com.br/2015/12/qualquer-quantia-tem-grande-valor.html

Aderindo ao clube você também nos ajuda!

Aderindo ao clube você também nos ajuda!
CLIQUE NA IMAGEM E FAÇA PARTE!

Agradeço aos amigos virtuais pelo selo

Agradeço aos amigos virtuais pelo selo