11 de agosto de 2016

História da Igreja


P. Miguel de Oliveira
Edição de 1959 - 340 págs




ÍNDICE
Prefácio
Divisões Cronológicas
Na divisão da História da Igreja notam-se as maiores divergências entre os  autores. Inclinam-se modernamente os franceses para a divisão cronológica por séculos, enquanto os alemães continuam a dividi-la em épocas e períodos.
Adotamos aproximadamente a de Albers-Hedde, estudando primeiro a história externa e depois a interna, no seguinte quadro cronológico:
ANTIGUIDADE CRISTÃ
Primeiro período:
Do começo da Era cristã ao Edito de Milão (1 - 313)
Segundo período:
Do Edito de Milão à queda do Império do Ocidente (313 - 476)
Terceiro período:
Da queda do Império à invasão muçulmana (476 - 711)
IDADE MÉDIA
Primeiro período:
Da invasão muçulmana a S. Gregório VII (711 - 1073)
Segundo período:
De Gregório VII a Bonifácio VIII (1073 - 1303)
Terceiro período:
Da morte de Bonifácio VIII à Reforma protestante (1303 - 1517)
IDADE MODERNA
Primeiro período:
De Lutero à Revolução Francesa (1517 - 1789)
Segundo período:
Da Revolução Francesa até Bento XV (1789 - 1922)
A IGREJA NA ATUALIDADE
Conclusão

APÊNDICE

__________
OBS.: Agradeço ao leitor que contribuiu conosco para que esta obra estivesse disponível aqui. Que Nossa Senhora lhe retribua por esta generosidade!

2 comentários:

Roberto Soares disse...

Bom dia! Tentei fazer o download deste Santo Tesouro, mas quando eu clico e o outro link abre, logo aparece que o site não existe...

Aguardo resposta. Obrigado

A_Católica disse...

Salve Maria, Roberto!

A nuvem "MeoCloud" desativou todas as contas free, por isto ocorreu o erro, mas informo que o arquivo foi realocado e o link disponível. Aproveito então para lhe pedir, encarecidamente, que ao efetuar qq download não deixe de contribuir conosco para que possamos manter o blog ativo,

Deus lhe pague!

Saudações!

Postar um comentário

Qualquer quantia tem grande valor

http://alexandriacatolica.blogspot.com.br/2015/12/qualquer-quantia-tem-grande-valor.html

O SANTO DE AUSCHWITZ

Assim dizia São Maximiliano Kolbe:

"De muito boa vontade oferecemos leituras gratuitas a todos aqueles que não possam oferecer nada para esta obra, mesmo privando-se um pouco."

O que é ser um Benfeitor do Blog?

O que é ser um Benfeitor do Blog?
Clique na Imagem

Agradeço aos amigos virtuais pelo selo

Agradeço aos amigos virtuais pelo selo