7 de dezembro de 2016

ADVERTÊNCIA: SOMENTE para Rapazes

Pierre Dufoyer
Edição de 1949 - 180 págs


Prefácio
Pelos dezoito, vinte anos, os pensamentos do jovem convergem para a mulher.
Pouco o interessa o casamento; quanto à paternidade e suas responsabilidades, nem sequer nisso pensa. As raparigas, diz-se, encontram-se mal preparadas para o casamento. Os rapazes, menos preparados ainda! Às primeiras ensina-se, apesar de tudo, puericultura e pedagogia. Como quer que seja, fala-se-lhes das virtudes e sacrifícios necessários à vida de esposa e de mãe. Esta educação oferece não poucas lacunas; todavia,  nota-se um esforço para as remediar.

Aos rapazes nem se fala do casamento, a não ser ocasionalmente e mais no aspecto filosófico do que moral. Há, neste domínio, obras excelentes. Mas a psicologia do casamento e a sua preparação passam-se geralmente em silêncio, não sem motivos defensáveis, aliás; pareceu-nos, pois, útil tratar este aspecto da questão. É tão fácil pensar-se entre os jovens e, por vezes, até entre os seus educadores, que um bom esposo e um bom pai de família se improvisam. Grave erro. Semelhante arte, como qualquer outra, exige uma séria formação. Para ela desejaria contribuir este livrinho, com o seu modesto  concurso, ajudando a melhor compreender o casamento e os seus fins, a maneira de para ele se preparar, onde e como encontrar e escolher a noiva, e a compreender outrossim a razão de ser do noivado.
Como as demais obras desta coleção, ele representa o fruto da colaboração dum moralista com os pais e mães de família. Rapazes e raparigas participaram igualmente na sua elaboração.
Que todos encontrem aqui a expressão de agradecimento que, pelo seu precioso auxílio, lhes é devida.
Possa este livrinho contribuir para a fundação de lares verdadeiramente humanos e cristãos, intimamente unidos e profundamente felizes.

Prefácio
O Casamento
ÍNDICE POR CAPÍTULOS
I — Para um amor mais alto
II — O que é o casamento
III — A satisfação recíproca dos esposos
IV — A procriação
V — A educação dos filhos
VI — Em terra de Cristandade
VII — Para além do casamento
I — Para adquirir a arte de ser esposo
II — Para se alcançar a arte de ser pai
III — Meios de encontro
IV — Escolhos
V — Aquela que tu hás de escolher
VI — O noivado

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Qualquer quantia tem grande valor

http://alexandriacatolica.blogspot.com.br/2015/12/qualquer-quantia-tem-grande-valor.html

O SANTO DE AUSCHWITZ

Assim dizia São Maximiliano Kolbe:

"De muito boa vontade oferecemos leituras gratuitas a todos aqueles que não possam oferecer nada para esta obra, mesmo privando-se um pouco."

O que é ser um Benfeitor do Blog?

O que é ser um Benfeitor do Blog?
Clique na Imagem

Agradeço aos amigos virtuais pelo selo

Agradeço aos amigos virtuais pelo selo