15 de fevereiro de 2019

Espiritualidade do Abandono à Vontade do Pai Celeste


Pe. M. Viller, S.J.
Edição de (?) - 47 págs



O Pe. Viller, jesuíta, escreveu em 1950 este estudo bastante rico de informações e de penetração e que ainda conserva todo o seu valor para uma introdução na espiritualidade do abandono à Vontade do Pai do Céu como fez Jesus na sua experiência terrena. Esta pesquisa aponta também pistas sugestivas para ir aprofundando a doutrina original e a experiência mística de São Paulo da Cruz e o carisma próprio da Congregação por ele fundada.
Este carisma tem por finalidade de promover a grata memória da Paixão de Jesus "a mais estupenda obra do Amor Divino", como remédio ao verdadeiro mal do homem e como sustentáculo para que ele possa viver segundo a justiça de Deus. Tudo isso implica a contemplação e o acolhimento na existência de cada um daquela adesão com que Jesus cumpriu a Vontade do Pai: "entrando no mundo, diz: Não quisestes holocaustos, nem oblação, mas me formastes um corpo... Eis que venho para fazer, ó Deus, a tua vontade..." Por esta vontade somos santificados mediante a oblação do corpo de Jesus Cristo. (Heb. 10, 5-10).
Pela leitura atenta deste trabalho notar-se-á como a doutrina de São Paulo da Cruz sobre o abandono à Vontade de Deus o carisma passionista são altamente estimulantes para colaborar com todas as próprias forças com a Vontade salvífica de Deus a favor dos irmãos e, por consequência, cumprir totalmente a missão recebida por Deus.
Às notas foram acrescentados, algumas vezes, outros trechos de São Paulo da Cruz para facilitar um conhecimento mais amplo da espiritualidade do Santo. De suas cartas poder-se-ia compor um livro não mais valioso do que aquele escrito por Jean-Pierre de Caussade, " O Abandono à Divina Providência".
O autor só pode utilizar os primeiros 4 volumes das cartas de São Paulo da Cruz. Hoje temos um outro volume de cartas e mais os 4 volumes dos "Processos da Canonização" que permitem ampliar as investigações, mas que não mudam a posição e os resultados que o Pe. Viller tratou com a documentação que ele tinha.
Pe. Fabiano Giorgini, C.P.

NOTA
O autor começa seu trabalho citando a carta de São Paulo da Cruz que fala de S. Vicente Maria Strambi. Nasceu S. Vicente em Civitavechia no dia 19 de janeiro de 1745. Ordenado sacerdote secular em 1767 entrou na Congregação de Paulo em 1768. Foi exímio professor de teologia dogmática e pastoral e pregador de fama. Escreveu e publicou a primeira biografia de S. Paulo da Cruz. Eleito bispo de Macerata e Tolentino aos 5 de julho de 1801, faleceu no dia 19 de janeiro de 1824.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Qualquer quantia tem grande valor

http://alexandriacatolica.blogspot.com.br/2015/12/qualquer-quantia-tem-grande-valor.html

O SANTO DE AUSCHWITZ

Assim dizia São Maximiliano Kolbe:

"De muito boa vontade oferecemos leituras gratuitas a todos aqueles que não possam oferecer nada para esta obra, mesmo privando-se um pouco."

O que é ser um Benfeitor do Blog?

O que é ser um Benfeitor do Blog?
Clique na Imagem

Agradeço aos amigos virtuais pelo selo

Agradeço aos amigos virtuais pelo selo

EM PROL do Clube de leitura masculino

EM PROL do Clube de leitura masculino
Clique na imagem acima! Não deixe de participar desta campanha!

CLUBE DE LEITURA feminino

CLUBE DE LEITURA feminino
Clique na imagem e aproveite a oportunidade de fazer parte do clube!