8 de dezembro de 2019

08/12 ➜ Orvalho Celeste que fertiliza a alma


Dom Eugénio Vandeur
Edição de 1954 - 204 págs



DEDICATÓRIA
À SANTÍSSIMA VIRGEM MARIA
MÃE DE DEUS

É diante de Vós, ó Augustíssima Rainha do Céu e da terra, que primeiro me venho prostrar, para vos prestar as mais respeitosas homenagens do meu espírito e do meu coração. É a vossos pés, que venho depor estas palavras antes de as expor aos olhos dos vossos servos. Peço-vos humildemente que as recebais como vossas, e de igual sorte recomendo a quantos as lerem que as considerem como pertença vossa.

Ó Virgem Santa, vós tendes inegável direito a todas as palavras que no tempo são pronunciadas ou escritas pelos homens, pois lhes destes a Palavra eterna do Pai, e só por vosso intermédio Ele nos falou sensivelmente pelo Seu Verbo.
Tendes o mesmo direito aos pensamentos do homem, pois foi mediante Vós que recebeu o Pensamento ou a Concepção eterna do Espírito de Deus a quem chamamos o seu Filho Único, no qual estão encerrados todos os tesouros da Divina Sabedoria.
Mas não é só sobre as palavras e os pensamentos. Tendes um direito legítimo e muito particular sobre todos os livros que se escrevem e imprimem na vastidão imensa do mundo cristão; são todos vossos e deveriam ser-vos dedicados, pois sois o Livro da Geração de Jesus Cristo, O Filho de Deus; na expressão de S. Mateus: Liber Generationis Jesu Christi.
Portanto, se todos os livros vos pertencem, que direito não tendes sobre o presente? Uma simples vista de olhos sobre o título e o frontispício, diz a todos que é vosso, e leva quem quer a exclamar que por tal motivo é justo que vos pague tributo.
Dignai-vos por isso, ó Amabilíssima Mãe do meu Salvador, receber esta pequena homenagem que vos apresento, e cujo mérito exclusivo é falar de Vós. Só a minha confiança, tantas vezes apoiada nas provas da vossa proteção, me levou a empreendê-lo. Que felicidade para mim se consegue agradar-vos!
Sei que mais não merece que desprezo e esquecimento, pois é bem corrupta a fonte donde mana. E não receio. Virgem Santa, fazer aqui a confissão sincera da minha temeridade, ao lembrar-me de que tantos santos tremiam de medo só de pensarem em Vós, e se julgaram indignos de escrever ou de falar das vossas inefáveis prerrogativas.
Confundo-me na Vossa presença ó Augusta Mãe de Deus e pergunto-me a mim mesmo: Quem és tu que ousas meter ombros a uma empresa a que personagens tão ilustres e grandes santos não se arriscaram, por superior, segundo eles, às suas forças?
Entretanto, encorajado pelas palavras e sentimentos de S. Bernardo, quero, Virgem Santa, sem reparar na minha indignidade e incompetência, pensar em Vós; falar de Vós, escrever de Vós, e jamais deixar de honrar-Vos; quero fazer todos os esforços para levar toda a gente a dedicar-se-Vos de todo o coração, e a declarar bem alto que Vos venera e Vos serve.
Dai missão e comissão a este pequeno livro para ir a toda a parte exaltar-Vos e conquistar para Vós todos os corações. Para tal deixo-o aos vossos pés, pedindo-Vos a bênção com estas palavras derradeiras:

Dignare me laudare te, Virgo Sacrata
Da mihi virtutem contra hostes tuos. (1)


_____________
(1) Colhemos esta Dedicatória, que traduz tão perfeilamente os nossos sentimentos num autor do século XVIII, o R. P. Louis-François d'Argenton, Capuchinho, nas Conferências teológicas e espirituais sobre as grandezas da Santíssima Virgem Maria, Mãe de Deus, obra a mais de um título notável.


ÍNDICE

PAX
PREFÁCIO
DEDICATÓRIA À SANTÍSSIMA VIRGEM
AVE MARIA
A ANUNCIAÇÃO — Quadro e comentário do Ave
O anjo do Ave
A atitude de Gabriel
A Virgem perturba-se
A Bendita do Espírito Santo
1ª Parte — A SAUDAÇÃO
AVE —Glória do Ave
 MARIA
Tão belo o seu Nome!
CHEIA DE GRAÇA
§—A sua beleza
§ — A graça santificante
§ — A Imaculada
§ — Uma plenitude de graça
§ — A Medianeira
O SENHOR É CONVOSCO
§ — A Predestinada
§ — A Magnificat
§ — Manancial fecundo
BENDITA SOIS VÓS ENTRE AS MULHERES
E BENDITO É O FRUTO DO VOSSO VENTRE
§ — A Visitação de Maria
§ — A Saudação de Isabel
JESUS
§ — Nome acima de todo o nome
§ — O Poder deste nome
2ª Parte —A INVOCAÇÃO
SANTA MARIA
§ — A Sua Santidade
§ — As Suas Virtudes
MÃE DE DEUS
§ — A Sua Virgindade
§—O grande mistério
§ — A Mãe dos Homens
ROGAI POR NÓS
A omnipotência suplicante
PECADORES
A mãe da misericórdia
AGORA
Agora e Sempre
E NA HORA DA NOSSA MORTE
AMEN


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Qualquer quantia tem grande valor

http://alexandriacatolica.blogspot.com.br/2015/12/qualquer-quantia-tem-grande-valor.html

O SANTO DE AUSCHWITZ

Assim dizia São Maximiliano Kolbe:

"De muito boa vontade oferecemos leituras gratuitas a todos aqueles que não possam oferecer nada para esta obra, mesmo privando-se um pouco."

O que é ser um Benfeitor do Blog?

O que é ser um Benfeitor do Blog?
Clique na Imagem

Agradeço aos amigos virtuais pelo selo

Agradeço aos amigos virtuais pelo selo

Campanha "COLEÇÃO DE CATECISMOS" (de 6 a 11 anos)

Campanha "COLEÇÃO DE CATECISMOS" (de 6 a 11 anos)
Clique na imagem acima para saber como participar do lançamento! Não deixem de avisá-los de que viram esta postagem aqui. Deus lhes pague!

CLUBE DE LEITURA feminino

CLUBE DE LEITURA feminino
Clique na imagem e aproveite a oportunidade de fazer parte do clube! Não esqueçam de avisá-los de que viram esta postagem aqui! Deus lhes pague!

Devocionário ➜ Latim-Português

Devocionário ➜ Latim-Português
Clique na imagem, adquira o seu e INFORME-OS (pelo chat) que viu a divulgação AQUI, assim você também estará AJUDANDO o blog! Deus lhe pague!