29 maio, 2020

Meditações para o Mês do Sagrado Coração de Jesus


Amor, Paz e Alegria
Mez do Sagrado Coração de Jesus
segundo Santa Gertrudes
Pe. André Prévôt, S.C.J.
da Congregação dos Padres do Sagrado Coração
Edição de 1937 - 319 págs

Obs. Santa Gertrudes viveu na Alemanha entre 1256 e 1298;
Padre André Prévot viveu de 1840 a 1913

"Amor, Paz e Alegria” é para o nosso tempo uma necessidade confortadora e agradável, como reparadora. Falta ao mundo o verdadeiro amor: por isto tem tanta falta de Paz e Alegria, tanta carência de genuína e real felicidade. Este opúsculo abre a fonte do mais puro amor, derramando sobre quem o cultiva verdadeira paz e alegria. Ainda mais. Não só ele mostra o caminho que leva ao amor, à paz e a alegria, mas também, inspirando o verdadeiro amor, inspira igualmente verdadeira paz e alegria. Como é cheio de amor é também cheio de paz e alegria!

Ao percorrer as páginas a seguir, o leitor deparará as maravilhas do amor divino, humanizado em Nosso Senhor e correspondido pelo amor integral e jubiloso de duas santas irmãs. Ninguém deve estranhar tamanhas intimidades e ternuras de Nossos Senhor, como se as reservasse para algumas almas privilegiadas. Muito pelo contrário deseja Ele prodigalizá-las ao maior número possível de almas. Quem não as recebe só deve inculpar-se a si próprio, por não se dispor para recebê-las desapegando-se das criaturas e apegando-se aos valores superiores.
As manifestações de amor de Nosso Senhor, para com Sta. Gertrudes são, em verdade, outros tantos convites e outras tantas garantias para todos, de que serão da mesma forma correspondidos por Ele, quanto antes se Lhe entregarem sem reserva, como Sta. Gertrudes. Eis aí o próprio escopo ideal das revelações dessa Santa, como deste opúsculo, patentear ao mundo irmanado exemplo da vida íntima de amor, que Nosso Senhor quer ver estabelecida entre si e cada alma humana!
Recomenda-se ainda este opúsculo por mais um último, mas soberano título. A medula do seu conteúdo foi extraída do livro das revelações do Sagrado Coração a Santa Gertrudes. Sobre elas versam as reflexões do autor, e delas tira ele as conclusões. Ora, Nosso Senhor ligou graças especiais não só ás orações de Santa Gertrudes, como também a todos os escritos delia sobre o seu Sagrado Coração, fazendo-os seus próprios. Dessas graças especiais participa, pois, este opúsculo, e elas lhe realçam muito o valor. São graças de amor, paz e alegria, que garantem o que o opúsculo afirma, e ajudam a cumprir o que ele promete. Oxalá encontrem nele todos os que o lerem uma fonte inesgotável de AMOR, PAZ E ALEGRIA EM NOSSO SENHOR!

P. Lacroix



PREFÁCIO
DO AUTOR
Que é que nos propomos nesta modesta obra dedicada a Sta. Gertrudes e ao Sagrado Coração de Jesus?
Propomo-nos ajudar algumas almas — e já certo número se serviram do nosso manuscrito com resultados que podem animar-nos — propomo-nos ajudar algumas almas a ver melhor e melhor gostar o quanto o Coração de Jesus é bom, afim de que essas almas de boa vontade, sentindo-lhe a ternura infinita que as solicita, se decidam a corresponder plenamente ao desejo tão premente que ele tem de amá-las e de ser por elas amado, e sem temor como sem reserva, se abandonem amorosamente a ele para sempre.
Propomo-nos imprimir nos corações daqueles que nos quiserem ler bem, alguma daquelas palavras de Sta. Gertrudes a que Nosso Senhor prometeu ligar uma graça toda particular, palavras que penetram a alma de unção suavíssima e que podem vir a ser boa riqueza espiritual para toda a vida. Propomo-nos proporcionar ao Coração do nosso bom Salvador alguns amigos a mais, que lhe honrem a amizade pela sua confiança e fidelidade, a exemplo da nossa cara Santa; alguns consoladores a mais, que, como ela, tomem a peito os seus divinos interesses, que procurem agradar-lhe sinceramente e indenizá-la das ingratidões do mundo; que, pela oração, e pelo sacrifício trabalhem em por balsamo nas feridas que lhe são feitas. Propomo-nos finalmente proporcionar á Igreja de Jesus Cristo, segundo o nosso fraco poder,alguns defensores a mais, que pela dedicação á vida de intercessão, de amor, de reparação, ajudem essa Mãe Santa a alcançar misericórdia para os pobres pecadores, a reparar as perdas incessantes de seus filhos, a cobrir pelos louvores do amor o concerto horrendo das blasfêmias da impiedade.
E a quem oferecemos esta humilde obra?
A todos os amigos do Coração de Jesus que se regozijam sempre, num sentimento de caridade cordial com aquilo que pode contribuir para fazer conhecer e amar esse adorável Coração.
Aos amigos de Sta. Gertrudes, cujo número vai sempre crescendo na Igreja de Deus; aos que se rejubilam de ver realizar-se a respeito dela o voto do Santo e piedoso padre Faber: “Possa Gertrudes tornar-se entre nós, para ai ser o que foi outrora, o Profeta e o Doutor da vida interior!" (Tudo por Jesus, cap. VIII, § VIII) ; aos que creem nas promessas que Nosso Senhor fez a essa privilegiada do seu Coração, e que já, mais de uma vez, por doce experiência, sentiram nos escritos dela uma luz e unção que não encontravam alhures.
Oferecemo-lo em fim mui particularmente a essas almas, dia a dia mais numerosas, que, dóceis ao impulso que o Espírito Santo faz sentir à Igreja no nosso século, se dedicam por amor, à Obra da Reparação. Quisemos oferecer-lhes, nas disposições e piedosas industrias que o Coração de Jesus inspirou à nossa meiga Santa, o meio fácil de realizarem em sua vida essa obra que se tornou a mais necessária e mais urgente de todas (1).
Dividimos esta modesta obra em trinta e três leituras, podendo servir de mês do Sagrado Coração: esperamos que sob esta forma terá ela em toda parte mais fácil acesso e poderá, com a graça de Deus, convir mais especialmente a todos os amigos do Sagrado Coração de Jesus, a todas as almas reparadoras do mundo, do claustro ou do santuário. Agradeceremos a Deus si, por intercessão de Sta. Gertrudes e pela misericórdia do Coração de Jesus, conseguirmos proporcionar a essa cara Santa o complemento dos seus desejos, afim de contribuirmos para o consolo do nosso bom Mestre, afim de trazermos o nosso quinhão de socorro a Igreja, nossa Mãe.
Ó boa e meiga Santa, que tanto desejais que a leitura dos vossos escritos sirva cada vez para glorificar o Coração de Jesus, e para provocar incessantemente novas ações de graças pelos favores que Ele vos concedeu, dignai-vos derramar benção copiosa sobre estas páginas que são vossas, afim de que a leitura delas excite as almas a louvarem a bondade do Coração de Jesus e a se darem a ele!
Já que o Salvador prometeu conceder tudo aos que lhe agradecerem as graças que ele vos fez, obtende que em troca dos sentimentos de gratidão e de admiração que lhe expressamos nesta leitura, nos conceda ele amá-lo como vós o amastes, dedicarmo-nos inteiramente a ele como vós mesma, com amor, com paz, com alegria (2).
__________
(1) Ousaremos oferecê-lo, entre outros, aos Associados do Coração de Jesus que nos convida à penitência, em cujas fileiras nós próprios desejamos fielmente combater. Reconhecemos com eles a necessidade predominante da penitência na obra da reparação. Mas esta necessidade em nada diminui a da reparação pelos atos de religião que deve acompanhar a penitência propriamente dita, e todos reconhecem que a penitência deve ser animada pelo amor, pela ação de graças e pela alegria. Ora, nesta obra, é antes nestes dois outros pontos de vista que nos colocamos como completando o primeiro.

(2) Nesta obra, a que pedimos a Nosso Senhor que ligue uma graça de paz e de alegria para toda alma de boa vontade, ficaríamos desolados de perturbar a paz de alguém; rogamos ao leitor que se alarmasse com alguma das expressões de Sta. Gertrudes ou das reflexões que lhes acrescentamos, dignar-se tomá-las no sentido que indicamos nas nossas notas; e deste modo temos a doce confiança de que tudo redundará em maior bem para- todos os amigos do Coração de Jesus.


ÍNDICE
Apresentação
Prefácio
1.º Dia. - Convite do Coração de Jesus
2.º Dia. - Amor do Coração ele Jesus
3.º Dia. - Finalidade íntima da devoção ao Sagrado Coração:
 atrair todos os corações ao amor de Nosso Senhor
4.º Dia. - Vida íntima do Coração de Jesus
5.º Dia. - Os desejos do Coração de Jesus
6.º Dia. - Os desejos do Coração de Jesus
7.º Dia. - Primeiro fruto da devoção ao Sagrado Coração:
o Coração de Jesus vivifica todas as nossas obras
8.º Dia. - O Coração de Jesus vivifica as nossas obras (continuação)
9.º Dia. - Segundo fruto da devoção ao Sagrado Coração:
o Coração de Jesus repara por nós
10.º Dia. - Os caminhos fáceis do amor divino; pela devoção ao Sagrado Coração, segundo Sta. Gertrudes
11.º Dia. - Os caminhos fáceis do amor divino pela devoção ao Sagrado Coração, segundo Sta. Gertrudes (continuação)
12.º Dia. - A vida de amizade com o Coração de Jesus, conforme Sta. Gertrudes
13.º Dia. - Vida de abandono confiante ao Coração de Jesus
1 4.º Dia. - Vida de abandono confiante ao Coração de Jesus (continuação)
15.º Dia. - A vida de religião no Coração de Jesus
16.º Dia. - Vida de adoração (continuação)
17.º Dia. - Vida de ação de graças
18.º Dia. - Vida de ação de graças (continuação)
19.0 Dia. - Vida de reparação
20.º Dia. - Vida de reparação (continuação)
21.º Dia. - A alma consoladora do Coração de Jesus, conforme Sta. Gertrudes
22.º Dia. - A alma consoladora do Coração de Jesus (continuação)
23.º Dia. - A Vítima do Coração de Jesus, segundo Sta Gertrudes
24.º Dia. - A Vítima de desejos
25.º Dia. - A Vítima de desejos (continuação)
26.º Dia. - A Vítima de louvor do Sagrado Coração de Jesus
27.º Dia. A Vítima universal e perpétua do Coração de Jesus, segundo Sta. Gertrudes
28.º Dia. - A Vida de alegria no Coração de Jesus, segundo Sta. Gertrudes
29.º Dia. A Vida de Alegria no Coração de Jesus (continuação)
30.º Dia. - A amizade dos Santos no Coração de Jesus
31.º Dia. - A amizade dos Santos no Coração de Jesus (continuação)
32.º Dia. Meu jugo é suave e meu fardo leve
33.º Dia.  Nossa Senhora do Sagrado Coração
Ladainhas do Sagrado Coração de Jesus
Ato de desagravo ao Sagrado Coração de Jesus
Fórmula de Consagração ao Sagrado Coração de Jesus
Ato de Consagração ao Sagrado Coração de Jesus
Oração eficacíssima

2 comentários:

Pedro disse...

O link não está funcionando.
Por favor, faça novamente upload do livro e partilhe o novo link.
Obrigado!

Alexandria Católica disse...

Boa Noite, Pedro!

Link reativado,

Saudações!

Postar um comentário

O SANTO DE AUSCHWITZ

Assim dizia São Maximiliano Kolbe:

"De muito boa vontade oferecemos leituras gratuitas a todos aqueles que não possam oferecer nada para esta obra, mesmo privando-se um pouco."

Qualquer quantia tem grande valor!

http://alexandriacatolica.blogspot.com.br/2015/12/qualquer-quantia-tem-grande-valor.html

VOCAÇÃO ➡ Quer ser MONJA REDENTORISTA? Clique no Banner para mais informações

Tipos Psicológicos

Obras Raras DO BLOG sendo reeditadas *Livraria Caritatem*